segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Eduardo & Lilian


Vamos lá. Este casamento foi muito gostoso de fazer. A escolha das músicas foi acertada e tivemos muita liberdade para alterar a roupagem de cada canção para que ficassem mais convenientes à cerimônia. Antes de tudo quero agradecer à Rejane Wolf que gentilmente cedeu mais uma vez as fotos pra gente e também ao nosso amigo Rogério que fez o nosso primeiro clipe e que vocês vão conferir daqui a pouco.


 
O casamento foi realizado no fim da tarde na Krathos Eventos na cidade de Vinhedo/SP. A cerimônia foi realizada ao ar livre e a recepção no salão ao lado.  Este local é muito interessante e adequado para casamentos e eventos diversos. Tanto a área externa cmo a interna são bem amplas e acomodam pelo menos 200 pessoas confortavelmente.







Vamos ao que interessa: Música. Na cerimônia tivemos 5 escolhas ótimas. São elas: You Won’t Relent (Jesus Culture); Quão Grande amor (INA); I Surrender (Kim Walker Smith); Shadow of your Wings (Jason Upton); My Romance (Rick Pino and Kari Jobe) e From sunrise to Sunset (Paul Wright).

Os noivos pediram sugestões e depois que conseguimos perceber qual o gosto musical deles pudemos sugerir algumas canções inéditas e que foram muito bem aceitas por eles, o que facilitou muito o nosso trabalho e o resultado foi melhor do que imaginávamos. Ficou tudo perfeito e encaixado com cada momento sem sobras ou cortes.


A primeira música “You Won’t foi o tema do sermão então não era por acaso que estava na lista para entrada do noivo e dos padrinhos. Neste caso era bem adequado que fosse cantada em português então usamos uma versão da banda “Clamor pelas nações”. Em seguida uma surpresa do noivo para a noiva. “Quão grande amor” foi o tema da entrada dela e como o caminho que eles faziam não era pequeno demais dava tempo de cantar um bom trecho de cada música.


Durante a palavra do Pr. Kid um fundo musical “Shadow of your Wings” no teclado e Violoncello. Após isso a entrada das alianças com “I surrender” ficou demais o arranjo que demos a ela com introdução no Cello fazendo a melodia da parte espontânea que têm na faixa adicional do CD “Here is my song” da Kim Walker Só quem conhece todo o repertório pra fazer esta fusão.

Para o cumprimento dos padrinhos a mais romântica de todas elas, “My romance” na versão do Rick Pino com a Kari Jobe. Essa música foi perfeitamente bem escolhida pela Lilian. Nós sugerimos apenas que fosse esta versão por ser mais interessante. Outra opção com a banda toda seria a versão Do CD “We Cry Out” Do Jesus Culture que também é muito boa.

Para a saída sugerimos “From sunrise to Sunset” que é uma música animada mas bem possível de se executar somente com Cello, Teclado e Violão. Além de tudo essa música é nostálgica e faz lembrar o final de um filme qualquer então foi bem legal tocá-la para as saídas.

Aproximadamente 30 minutos após a cerimônia já estávamos no salão para a recepção. Selecionamos 22 músicas e vou falar um pouco de algumas delas.



Na primeira parte (antes do jantar) as novidades foram as músicas: Fringes – Shane and Shane Bernard; From sunrise to sunset – Paul Wright (agora com a banda completa); Melody of you – Six pence; Right by my side – Jason Upton; Free to be me – Francesca Batistelli; Dead Man – Jars of Clay (que gravamos o clipe); Vou comentar estas duas últimas apenas.

Free to be me. Ouvimos esta cantora em uma rádio norte-americana on line e começamos a pesquisar sobre ela. Descobrimos dois CDs ótimos, uma indicação ao Grammy de “Melhor performance Gospel” em 2009 com está música que foi inclusive selecionada para a coletânea Wow Hits de 2010 que é um apanhado do que fez mais sucesso nos estados unidos no ano, além de parcerias e shows em conjunto com nada mais nada menos que o Michael W. Smith. Com muitos elementos de country que lembram a “Shania Twain” e uma voz muito potente ela está ficando cada vez mais famosa. No Brasil poucos a conhecem. Decidimos que seria uma boa música pra recepção. O que vocês acham? Free to be me – Francesca Batistelli.



Fomos pegos de surpresa quando o Rogério disse que queria fazer um vídeo com uma das músicas. Sem pensar duas vezes escolhemos Dead Man. Essa música tem um quê de vintage e parece um rock dos anos 90 e a própria roupagem dela é proposital para ajudar na mensagem que ela passa: uma nova escolha de vida deixando o que é velho para trás. Diz: “Carry me I’m Just a Dead man layed on the carpet…” Essa é outra música que fez muito sucesso assim como o album “Good Monsters” Eleito pela CCM (Christian Comunity Music) como álbum do ano em 2006 e rendeu ainda seleção para a coletânea Wow Hits 2007.




Pequena pausa para repormos a energias e voltamos com tudo para o 2º tempo. Rock, Country, Surf music anos 60 foram os ritmos. Mas o que mais animou a galera foi o Country e por isso vou falar apenas delas e das novidades que levamos.


O pessoal foi pra pista de dança assim que começamos com “Psalm 118 – Shane Bernard” e a partir daí emendamos uma seqüência com “Between the graveyard and the garden – Jason Upton”; “Something in the water – Brooke Fraser”; “Mountain of the living God – Jason Upton”.


 Vou destacar nesse post a música “Something in the water” da Broke Fraser, cantora nascida na nova Zelândia que ficou mundialmente famosa pela composição da música “Hosana” do Hillsong United. Sempre entre os principais e mais ouvidos artistas da nova Zelândia, mesmo considerando o meio secular, este ano ela foi indicada a 5 prêmios no 46º VNZMA -Vodafone New Zeland Music Awards, incluindo melhor cantora, melhor álbum e melhor música “Something in the water”. Essa música é um pouco diferente dos trabalhos anteriores dela. Ficou meio country e bem alegre. Veja o clip.





Gostaram? Em breve tem mais!

Queremos dar os parabéns aos noivos pelo casamento. Tudo foi muito bonito e bem feito. A festa estava ótima!

Até mais!

Um comentário:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir